Vamos conversar

Notícias -Apr 16, 2024

Transporte de Mercadorias: Tipos e suas Funções na Cadeia de Suprimentos

Photo by the author

SimpliRoute

Logística

Indústria

Distribuição

O transporte de mercadorias é uma das atividades fundamentais dentro da cadeia de suprimentos da empresa atual. Entretanto, é essencial nas entregas ao consumidor final, seja por terra para os locais de venda ou diretamente ao consumidor.

Transporte de Mercadorias: Tipos e suas Funções na Cadeia de Suprimentos

A logística de transporte e sua eficiência dependem do timing da operação, da conformidade e do formato, que são sempre refletidos e atendidos pelo cliente. A capacidade e eficiência dos transportes são determinadas pelas características da frota automotiva e pela organização logística dos transportes.

Além disso, existem vários tipos de transporte de insumos ou produtos, que influenciam na velocidade das entregas e na disponibilidade dos produtos. Neste artigo, abordaremos todas essas questões para que você tenha certeza do que deve considerar em sua empresa.

O que é transporte de mercadorias?

É a atividade econômica dentro da sua empresa que envolve o deslocamento de insumos, produtos ou qualquer tipo de mercadoria de um ponto a outro dentro da cadeia de abastecimento e até o consumidor final. Ele permite levar a mercadoria desde sua obtenção até onde for necessária.

Atua desde a produção, com o fornecimento de materiais, até a armazenagem ou distribuição. Ao mesmo tempo, estabelece a ligação entre suas instalações e os distribuidores finais, pontos de venda ou consumidor final.

Quais são as modalidades de transporte de mercadorias?

Resumidamente, existem três modalidades de transporte de mercadorias. Elas dependem da rapidez na entrega e da logística envolvida.

Transporte Terrestre

Como o nome sugere, é realizado por meio terrestre, com veículos rodoviários. Este tipo de transporte se subdivide em categorias:

Transporte Ferroviário

Envolve o uso de ferrovias, sendo mais adequado para longas distâncias e grandes volumes. No entanto, pode depender de outros meios para concluir a entrega.

Transporte Rodoviário: Inclui veículos como carros, vans, caminhões, entre outros. É ideal para curtas e médias distâncias, sendo amplamente utilizado em áreas urbanas.

Transporte Marítimo

É realizado em águas navegáveis, sendo especialmente relevante para o comércio internacional, onde os produtos são menos perecíveis. Existem duas categorias:

Transporte Fluvial

Utilizado em rios, canais e lagos para transportar mercadorias em distâncias relativamente curtas. Geralmente, envolve embarcações de porte médio.

Transporte Aéreo

É amplamente utilizado devido à globalização, economias de escala e aumento dos fluxos econômicos. É uma opção excelente para envios urgentes, produtos perecíveis ou de alto valor. Apesar de ser mais caro, é mais rápido que as outras modalidades.

Exemplos de transporte de mercadorias

Um exemplo prático de transporte terrestre são os caminhões que distribuem produtos nos pontos de venda da cidade. Ao planejar as rotas e os produtos a serem entregues, otimiza-se o uso de recursos. É vantajoso aproveitar ao máximo cada viagem, garantindo a entrega do maior número possível de produtos.

No que diz respeito ao transporte marítimo, automóveis e grandes comerciantes transportam suas mercadorias principalmente por meio de embarcações. Isso contribui para valorizar a importância desse modo de transporte.

Por fim, no transporte aéreo, é possível desfrutar da rapidez e segurança na entrega de produtos de luxo e agrícolas, garantindo que cheguem ao destino em ótimas condições.

"Como escolher um bom fornecedor de transporte de mercadorias?"

Para selecionar um fornecedor de transporte adequado às suas necessidades, é importante considerar vários fatores, incluindo:

Tipo de mercadoria: Verificar se o fornecedor oferece condições para o transporte seguro, levando em conta se os produtos são perecíveis, frágeis ou perigosos para a saúde.

Objetivos: Identificar as metas da empresa ao contratar o serviço de transporte e escolher um fornecedor que ofereça soluções pertinentes para alcançá-las.

Condições de entrega: Avaliar se o fornecedor pode atender ao volume de pedidos, aos locais de origem e destino, e às condições de manutenção necessárias para as mercadorias.

Preparação: Considerar como o fornecedor se prepara para suas atividades e se ele oferece opções adequadas às necessidades da empresa.

Considerações finais

A eficiência do seu negócio e a satisfação dos seus clientes dependem diretamente da agilidade das suas transações. Portanto, é essencial escolher o modo de transporte mais adequado às necessidades da sua empresa. Recomendamos a leitura das informações fornecidas neste artigo para obter mais detalhes sobre o assunto.

Se você deseja otimizar as entregas, sugerimos o uso do SimpliRoute, um software de otimização completo para entregas no último quilômetro. Verifique como você pode maximizar o desempenho da sua operação enquanto ainda há tempo e recursos disponíveis!

Poderá estar interessado em

Devoluções de vendas: seu funcionamento
NOTÍCIAS

Devoluções de vendas: seu funcionamento

As devoluções constituem um aspecto crucial a considerar na gestão de uma loja. Se pretende criar um negócio bem-sucedido, é fundamental que dê a devida importância às devoluções, de modo a que os clientes se sintam à vontade para comprar na sua empresa. Neste artigo, abordaremos o funcionamento das devoluções de vendas: o que são, por que são importantes e como geri-las de forma eficaz. Vamos começar agora!

May 7, 2024

Despesas de armazenamento: como gerenciá-las
NOTÍCIAS

Despesas de armazenamento: como gerenciá-las

Os elevados gastos com armazenamento podem ser um problema para muitas empresas. No entanto, a boa notícia é que, com um planejamento inteligente e uma preparação cuidadosa, é possível controlá-los. Neste artigo, vamos abordar a importância de controlar os custos de armazenamento e também como reduzi-los.

May 7, 2024